Morro da Igreja

Depois de 2 posts falando sobre cânions, só de olhar esta foto você já deve ter uma idéia de onde fica este mirante. Se você pensou no sul de Santa Catarina, acertou! Este, é o mirante do Morro da Igreja, o cartão postal do Parque Nacional de São Joaquim, localizado entre as 2 cidades que disputam o título de Cidade mais fria do Brasil: Urubici e São Joaquim.

Se você, como eu, achou que era extremamente raro nevar no Brasil, você está certo. Mas, a sua melhor chance de ver neve é em São Joaquim, um destino famoso para nós que queremos ver neve cair em terras tupiniquins. O fenômeno em geral, acontece durante a madrugada e os hotéis costumam acordar seus hóspedes quando os flocos de gelo começam a cair (uma das poucas vezes que você será acordado com um sorriso no rosto).

Trilhas próximas ao Morro da Igreja

Além do frio, o Parque Nacional de São Joaquim tem vários mirantes e trilhas para cachoeiras que caem pela Serra do Mar Catarinense. As principais atrações são:

  • Morro da Igreja: junto com a Pedra Furada é o principal cartão postal da região. Com 1.822 metros de altitude é o ponto mais alto do Parque com vista direta para a Pedra Furada. O acesso é de carro e tem limite de pessoas. 
  • Trilha Pedra Furada: gostou da pedra da foto? Que tal chegar mais perto dela? Então, prepare as pernas. Esta trilha dura de 5 a 6 horas e tem 8 km de extensão. A trilha leva você, a um dos melhores pontos para observar os paredões da Serra do Mar e o maravilhoso cartão postal.
  • Serra do Corvo Branco e Serra do Rio do Rastro: se você está de carro, não deixe de dirigir pelas estradas que cruzam estas 2 Serras. A primeira, passa pelo meio de 2 paredões de 90 m (o maior corte vertical feito em rocha do Brasil) e a segunda, é só conferir o último post para ter um gostinho.

E aí, animado para a sua viagem pelo sul do Brasil? Então confira essas dicas.

Dicas

  • A preservação aqui é levada a sério e alguns passeios têm limite de pessoas e exigem reservas. Dá uma conferida no site oficial do Parque e faça sua reserva com guia antes de ir. 
  • O melhor jeito de viajar por essa região é de carro. Os passeios são distantes uns dos outros. Então, se você chegar por Florianópolis, já alugue um carro e não se preocupe com a mobilidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui